sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

Benção do Recomeço


Existem pessoas que se sentem ofendidas, magoadas por qualquer coisa: à mais leve contrariedade, se sentem humilhadas...


Ora, nós não viemos a este mundo para nos banhar em águas de rosas...


“Agradeço todas as dificuldades que enfrentei; não fosse por elas, eu não teria saído do lugar...


As facilidades nos impedem de caminhar. Mesmo as críticas nos auxiliam muito.”


“ Quando você não tiver uma palavra que auxilie, procure não abrir a boca...”


“Sabemos que precisamos de certos recursos, mas o Senhor não nos ensinou a pedir o pão, mais dois carros, mais um avião...


Não precisamos de tanta coisa para colocar tanta carga em cima de nós.


Podemos ser chamados hoje à Vida Espiritual...”


“Tudo que criamos para nós, de que não temos necessidade, se transforma em angústia, em pressão...”


Valorizemos o amigo que nos socorre, que se interessa por nós, que nos escreve, que nos telefona para saber como estamos indo...


A amizade é uma dádiva de Deus...


Mais tarde, haveremos de sentir falta daqueles que não nos deixam experimentar solidão!”


“Tudo o que pudermos fazer no bem, não devemos adiar...


Carecemos somar esforços, criando, digamos, uma energia dinâmica que se anteponha às forças do mal...


Ninguém tem o direito de se omitir”


“Uma das mais belas lições que tenho aprendido com o sofrimento:


Não julgar, definitivamente não julgar a quem quer que seja.”


“O exemplo é uma força que repercute, de maneira imediata, longe ou perto de nós...


Não podemos nos responsabilizar pelo que os outros fazem de suas vidas; cada qual é livre para fazer o que quer de si mesmo, mas não podemos negar que nossas atitudes inspiram atitudes, seja no bem quanto no mal.


”Fico triste quando alguém me ofende, mas, com certeza, eu ficaria mais triste se fosse eu o ofensor...


Magoar alguém é terrível!...”


“Tudo tem seu apogeu e seu declínio...


É natural que seja assim; todavia, quando tudo parece convergir para o que supomos o nada, eis que a vida ressurge, triunfante e bela!...


Novas folhas, novas flores, na indefinida bênção do recomeço!...”


(Chico Xavier)

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

O sorriso de Deus


Quando Deus sorri, os pássaros cantam as mais belas poesias, de tão maravilhados que ficam.


Seu sorriso é a pura manifestação da Luz, que expressam os vestígios do Amor que pairam em todo o Universo.


Foi sorrindo que Ele criou as mais belas flores e, ao mesmo tempo, envolveu o Planeta com essa bela cortina azul que penetra nas águas do mar.


O brilho das estrelas e a ternura do Cosmos também são manifestações do Seu Divino sorriso.


Deus é puro Amor, e em Seu sorriso há paz e perdão.


De Seu sorriso também flui a esperança, o conforto que restaura nossas almas e perfuma nossos corações.


Com esse belo sorriso, Ele nos deu o sopro da vida, a essência Divina que nos tornam filhos amados.


Deus é sempre sorridente, Pai com os braços cheios de ternura, esperança e Amor.


Quando tudo parecer perdido, sem esperanças, sem paz, sem fé e sem horizontes.


Quando a vida parecer sem sentido, oca, vazia e sua imagem no espelho não mostrar a sincera felicidade, não permita que nesse momento o abismo obscuro surja diante de seus pés.


Mesmo com os olhos em lágrimas, sinta seu espírito e veja Deus vestido de Luz sentado no belo jardim que Ele mesmo cultivou em seu coração.


Com o sempre suave e amável sorriso, Ele lhe diz:


- Estrela minha, não tenha medo!


Tu és o motivo do meu sorriso.

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

somos o que amamos


"Somos o que amamos" é uma expressão que está incluída na fraseologia de Santo Agostinho.


Uma frase lapidar e de que mais gosto.


Uma frase que traduz de maneira ímpar a experiência mais pura e cristalina do que é o amor.


O amor se identifica com o cotidiano e se estende para toda a eternidade.


Uma leveza infinita que habita em nossos corações.


Uma alegria suave que nos atravessa o corpo.


Por que não dizer que o amor é uma realidade maior que nos arranca de nós mesmos?E, com isso, fazemo-nos dom para aqueles que amamos.


Quando aprendemos que "somos o que amamos" descobrimos que por tantos e quantos caminhos andarmos estaremos sempre na companhia da pessoa amada.


Nosso corpo se transforma no corpo dela.


Nossos sonhos são extensão dos sonhos dela. Nossos desejos confundem-se com os dela.


Alguém disse: "Amar é dizer a alguém - Tu não morrerás".


Fantasia, imaginação, afetividade, inteligência prendem-nos ao processo de amar e de nos transformar na pessoa amada.


Nosso ser fica cativo do amor.


Lendo Rumi, um místico muçulmano, meu coração ficou acelerado com suas belas palavras:


"Teu amor chegou ao meu coração e partiu feliz.


Depois retornou e se envolveu com o hábito do amor, mas retirou-se novamente.


Timidamente, eu lhe disse:


Permanece dois ou três dias!


Então veio, assentou-se junto a mim e esqueceu-se de partir.


"Fico pensando que o amor nos leva a viver uma pontinha de egoísmo.


Afinal, desejamos a eternidade para a pessoa que amamos e para nós mesmos, que estamos amando.


Diante do amor renunciamos a interrupção, o cansaço, o término e o passageiro e abraçamos a eternidade como projeto único e suficiente de vida.


"Somos o que amamos" revela que a força do amor reside no desejo de ajudar no crescimento do outro fazendo-o melhorar e superar seus limites.


O amor não teme enfrentar o lado obscuro do outro e não desanima.


Ao contrário, fala quando acredita na força de uma conversa brotada do amor.


O amor é capaz de gerar um clima de empatia no qual os gestos e as palavras, nascidos do conhecimento do outro, penetram suave como a chuva fina e leve.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

Derramando pétalas


Dirijam vossas vidas, seja nas tristezas, seja nas alegrias, sempre derramando pétalas, assim como as flores.


As flores, seja dia, seja noite, haja chuva, haja sol,enviam para o ar que respiramos todo o perfume que contém, lembrando aos homens que a vida perfumada segue mais além.


Espalhemos nossas essências de amor, perfumando a vida daqueles que nem sequer sabem admirar uma flor,ou nunca pararampara apreciar a beleza gratuita feita pelo nosso Pai com amor, para que os homens se inspirassem na simplicidade e beleza de uma simples flor.


Se colhida e dedicada a alguém significa amor.


Sejamos apenas simplesmente uma flor, atuemos em estado de graça, espalhemos beleza onde existe tristeza, colhamos as dores alheias e nos transformemos em buquê de flores, para oferecermos o nosso amor a todos, com a mesma graça beleza e cor.


Apenas uma flor.


O exemplo da flor bastará para uma transformação de muito amor.


Não importa, jasmim, rosa, cravo, não importa a flor,o importante é que espalhemos as pétalas de nosso amor.


Sejamos Flor!!!


Sejamos Amor!!!

sábado, 23 de fevereiro de 2008

Amo as pessoas...


Mensagem muito querida enviada pela amiga Lelete


Amo pessoas que acordam no meio da noite, só para escutar o barulhinho da chuva no telhado, elas sabem ouvir o canto de Deus...
Amo pessoas que fazem do presente um caminho para o futuro, com algumas trilhas secundárias e até alguns atalhos, elas entendem de liberdade...
Amo pessoas que escrevem sua história sem ignorar os borrões, mas fazendo deles um lição de vida, elas jamais serão esquecidas...
Amo pessoas que posso chamar de amigo.
Elas enfeitam dia a dia o caminho que trilho,
vêem minhas qualidades, mas defeitos também e ajudam-me a superá-los…
Amo pessoas que sabem conviver, tolerando o que for intolerável, encontrando uma justificativa para resgatar a harmonia, elas entendem de perdão...
Amo pessoas de todas as idades, essas que não sabem a idade que têm, que são, velhos, adolescentes, crianças, elas sabem se encaixar no tempo....
Amo pessoas que quando perdem a fé, engravidam o coração e conseguem parir um novo, para ensinar e aprender!
Amo pessoas que cantam no chuveiro, que olham o espelho, se acham lindas e sorriem para a imagem devolver o sorriso, elas com certeza receberão sorrisos, sem espelho...
Amo pessoas que valorizam riquezas do espírito e ignoram a miséria das almas, elas entendem que pobre á aquele coitado, que só possui bens materiais.
Amo pessoas que cuidam da natureza, que espalham sementes, plantam árvores e florescem o mundo, elas colherão frutos doces, independente das estações...
Amo pessoas de mãos generosas no doar, no afeto e no oferecer, elas entendem que o presente fica em parte com quem recebe, mas mais com quem doa...
Amo pessoas que não têm medo de se arriscar, de mudanças, de finais nem recomeço. Elas jamais dirão: Como seria, se eu tivesse tido coragem...
Amo pessoas que ficam olhando o horizonte de bobeira, que deitam na grama para olhar nuvens passar ou contar estrelas , elas conhecem e muito, de paz....
Amo pessoas que não gostam de julgar, gente preguiçosa que lega a Deus essa tarefa, elas sabem que Ele resolve tudo, no tempo Dele e não no delas....
Amo pessoas que misturam pais, filhos, netos, primos, tios, avós, que brigam, se desculpam e que não se separam, elas sabem a importância da família...
Amo pessoas que escutam passarinho quando canta, que olham o sol quando levanta e que brincam de faz de conta como criança, elas sabem que ser feliz é simples...
Amo pessoas que soltam bolinhas de sabão, pipas coloridas e param para escutar a música do realejo, elas brincam com a criança interior da alma e a impede de crescer...
Amo pessoas que estimam os animais, sem olhar a raça, que afagam suas cabeças como um amigo, elas sempre serão recebidas com uma lambidela de carinho....
Amo pessoas que não sabem odiar, que falam com anjos em qualquer lugar e sabem que eles ouvem, tanto que me pediram para escrever:



QUE ELES TAMBÉM AS AMAM!

Amo pessoas que iluminam o olhar diante da pessoa amada, que beijam na boca e não estão nem aí para a plateia, para julgamentos, ou ridículo, elas amam amar o amor...

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

A Pedra da Felicidade


Conta a história que uma fada perdeu pelo caminho uma pedra encantada, a Pedra da Felicidade.


Apressada como estava, resolveu seguir seu caminho e mais tarde através da sua magia descobriu que a Pedra havia sido encontrada por um rapaz muito pobre que a levou para casa.


Ao ver a casa do rapaz, a fada achou que a Pedra da Felicidade poderia ficar com o rapaz haja visto a sua situação muito humilde.


Então nessa noite ela apareceu no sonho do rapaz e explicou-lhe que aquela Pedra que ele havia achado era a Pedra da Felicidade e que ele poderia fazer 3 desejos para pessoas que realmente necessitassem:


1 pessoa poderia pedir para a prosperidade,


outra pessoa pediria para saúde


e a outra para felicidade...


Ao acordar o rapaz lembrou-se do sonho e ficou extremamente irritado...:


- Como pode ser isso? Eu encontro a Pedra da Felicidade e tenho que passar os desejos para os outros... não meu Deus ...não é possível...


Irritado pegou a pedra na mão e esfregou fazendo pedidos de dinheiro, riqueza, e nada...


Mais nervoso pegou a Pedra e jogou-a em uma gaveta...


Os anos passaram... passaram... e encontramos o nosso jovem de outrora, transformado em um senhor idoso, morando naquele casebre miserável...


Não havia se casado, pois sua rabugice espantava as pretendentes, tinha pouquíssimos amigos haja visto sua mesquinhez.


Então em uma noite lembrou-se da Pedra da Felicidade e, encontrou-a largada na gaveta...


Pensou que, já que estava no fim da vida poderia pelo menos ajudar a alguém... e saiu pela vila...


Logo na entrada da cidade encontrou uma família miserável esmolando pelas ruas... ficou penalizado de ver as crianças com pé descalço e cara de fome... chamou a senhora que os acompanhava e falou:


- Quero te dar uma fortuna para que nunca mais sofras da miséria.


Esfregando a Pedra, a senhora recebeu ouro suficiente para levar uma vida de rainha...


Sem saber como agradecer, a senhora partiu para comprar uma casa e finalmente dar conforto aos filhos...


Logo a frente, nosso velhinho encontra uma mulher chorando e pergunta o que estava acontecendo.


Ela responde que seu único filho está morrendo de uma doença que nenhum médico conseguiu identificar...Ele pede então para a mulher segurar a Pedra e pedir saúde para seu filho...


E em poucos minutos o menino aparece a porta milagrosamente curado...A mulher não sabia mais como agradecer o milagre...


Mas ele continuou sua caminhada e encontrou um orfanato miserável e entrou para ver se podia ajudar... Imediatamente esfregou a Pedra da Felicidade o casebre do orfanato ransformou-se numa linda casa... Os quartos ganharam camas novas,as crianças brinquedos, roupas e tudo foi inundado de felicidade...As crianças o cercaram, cantaram para ele, beijaram-no e pela primeira vez em muitos anos...


Ele chorou de felicidade...Por que não usaste antes?


- Por causa do meu egoísmo, perdi a chance de fazer tantas pessoas felizes e até de melhorar minha vida...


Meu desejo nesse momento é que eu possa esquecer toda essa história, para tentar ao menos ser um pouco feliz...


Há as vezes maior prazer em dar do que receber...


"Os barcos estão seguros se permanecem no porto, mas não foram feito para isto".


Então, busque, tente, ouse, invente, experimente, arrisque, realize, tenha coragem, acredite, tenha fé e jamais deixe de "sonhar", de "desejar"!


Só assim, poderá realizar!!!


Viver sempre vale a pena, e passa muito rápido ! Você tem Talentos e pode fazer a diferença!


Então faça !

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Flores de Cactus


Linda mensagem recebida por e-mail da amiga virtual Zoe

Eu estou aprendendo.
Estou aprendendo
a aceitar as pessoas,
mesmo quando elas me desapontam.
Você sabe amar?
Quando fogem do ideal que tenho para elas.
Quando me ferem com palavras ásperas
ou ações impensadas.
É difícil aceitar as pessoas
assim como elas são,
não como eu desejo que elas sejam.
É difícil,
muito difícil,
mas estou aprendendo...
Estou aprendendo a amar,
Estou aprendendo a escutar,
Escutar com os olhos e ouvidos,
Escutar com a alma.
Escutar o que diz o coração,
o que dizem os ombros caídos,
os olhos,
as mãos irrequietas.
Escutar a mensagem que se esconde por entre


as palavras corriqueiras e superficiais.
Descobrir a angústia disfarçada,
a insegurança mascarada,
a solidão encoberta.
Penetrar o sorriso fingido,
a alegria simulada,
a vangloria exagerada.
Descobrir
a dor de cada coração.
Aos poucos,
estou aprendendo a amar.
Estou aprendendo a perdoar.
Pois o amor perdoa,
lança fora as mágoas,
e apaga as cicatrizes que a incompreensão
e a insensibilidade gravaram no coração ferido.
O amor não alimenta mágoas com pensamentosdolorosos,
não cultiva ofensas com lástimase autocomiseração.
O amor perdoa, esquece, extingue todos os traços de dor no coração.
Passo a passo
Estou aprendendo a perdoar, a amar,
estou aprendendo a descobrir o valor
que se encontra dentro de cada vida,
de todas as vidas.

Valor soterrado pela rejeição,
pela falta de compreensão,
carinho e aceitação, pelas experiências
duras vividas ao longo dos anos.

Estou aprendendo a ver,
nas pessoas a sua alma,
e as possibilidades
que Deus lhes deu.
Estou aprendendo,
mas como é lenta a aprendizagem!
Como, é difícil amar incondicionalmente…
Todavia,
tropeçando,
errando,
estou aprendendo…
Vamos
amar nossos irmãos
como Deus nos ama...

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

A lenda das três árvores


Havia no alto de uma montanha três árvores que sonhavam o que seriam depois de grandes...


A primeira, olhando as estrelas, disse:


"Eu quero ser o baú mais precioso do mundo, cheio de tesouros".


A segunda, olhando o riacho, suspirou:


"Eu quero ser um navio grande para transportar reis e rainhas".


A terceira olhou para o vale e disse:


"Quero ficar aqui no alto da montanha e crescer tanto que as pessoas, ao olharem para mim, levantem os olhos e pensem em Deus".


Muitos anos se passaram e certo dia três lenhadores cortaram as árvores que estavam ansiosas em ser transformadas naquilo que sonhavam.


Mas os lenhadores não costumavam ouvir ou entender de sonhos...


Que pena!


A primeira árvore acabou sendo transformada em cocho de animais coberto de feno.


A segunda virou um simples barco de pesca, carregando pessoas e peixes todos os dias.


A terceira foi cortada em grossas vigas e colocada de lado num depósito.


Então, desiludidas e tristes, as três árvores perguntaram:


Por que isto?!?


Entretanto, numa bela noite, cheia de luz e estrelas, uma jovem mulher colocou seu bebê recém-nascido naquele cocho de animais.


E de repente, a primeira árvore percebeu que continha o maior tesouro do mundo.


A segunda árvore estava transportando um homem que acabou por dormir no barco em que se transformara.


E quando uma tempestade quase afundou o barco, o homem levantou-se e disse:


"PAZ".


E a tempestade acabou!


Então, a segunda árvore entendeu que estava transportando o Rei do céu e da terra!


Tempos mais tarde, numa sexta-feira, a terceira árvore espantou-se quando suas vigas foram unidas em forma de cruz e um homem foi pregado nela.


Logo sentiu-se horrível e cruel.


Logo eu?


Mas, no domingo seguinte, o mundo vibrou de alegria.


E a terceira árvore percebeu que nela havia sido pregado um homem para a salvação da humanidade e que as pessoas sempre se lembrariam de Deus e de seu Filho ao olharem para ela.


As árvores haviam tido sonhos e desejos.


Mas as realizações foram mil vezes maior do que haviam imaginado.


Portanto, não se esqueça:


Deus tem um sonho para sua vida.


E pode ser bem maior do que aquele que você imagina...!


Basta crer!


Os meus Sonhos te dou Senhor!!!


O meu querer......Toda minha vida entrego em tuas mãos.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Depressão, onde está?


(Excelente texto enviado pela minha querida amiga Yara)


Eu era uma mesa novinha.

Bonita.

Feita pelas mãos do melhor carpinteiro do mundo...

Fui entalhada com amor, com matéria prima de qualidade.

Nasci forte.

Meus detalhes foram esculpidos com sentimento, com o carinho das mãos do meu pai.

Não há outra mesa como eu em toda Terra.

Participei de bons momentos.

Ajudei muito.

Estive presente nos tempos de alegria e nos tempos de dificuldade.

Sempre firme, segurando tudo e a todos.

Jamais rejeitei uma carga, mesmo que estivesse acima da minha capacidade...

Quanto significado tive na vida dos que me rodeiam!

Participei do progresso, da luta.

Recebi lágrimas e risos.

Sempre me doei e sei que se não estivesse ali, faria muita falta.

Mas, como sempre estava, quase nunca era notada.

E assim transcorreu minha vida.

Como a vida da maioria das mesas: sempre muito participante, cooperando, mas sem reclamar muitos cuidados.

Afinal a função da mesa é servir.

Mas o tempo passou, e com ele, e a falta de cuidado, fui me desgastando.

Minhas quinas um pouco rachadas tornaram-se ásperas.

Às vezes, acabava ferindo alguém, mas não era de propósito.

Talvez, se tivessem me restaurado no início, eu voltasse a ser bela e útil como antes.

Mas a vida é tão corrida e não há tempo a perder com restaurações...

Mesmo apesar do desgaste, do mau uso e da falta de cuidado, prossegui em minha missão, doando o melhor de mim.

As pessoas ao redor acostumaram-se com minhas arestas e, para evitar um ferimento, desviavam-se de mim.

Quando necessitavam, chegavam com cautela para que não houvesse atrito entre nós.

Apesar do meu esforço em resistir, pude perceber que algo me roía por dentro.

Já não tinha a mesma força de antes.

Sentia minhas pernas fraquejarem ao menor peso.

Meu tampão antes tão belo e forte, agora cheio de manchas e rabiscos, parecia afundar em si mesmo.

Senti medo, pois não sabia o que estava acontecendo, mas ainda queria servir e estar presente.

Um dia, quase sem perceber, desmoronei.

O peso era pequeno, mas para mim parecia uma tonelada!

Quebrei o que estava sobre mim e também algumas coisas à minha volta.
Feri os que eu mais amava, pois estavam mais próximos na hora da queda.

Todos me olharam com espanto, alguns com indignação, outros com raiva.

Ninguém esperava aquilo.

Nem eu.

Mas já havia sido devorada, em meu interior, por bichinhos rápidos e silenciosos chamados “cupins”.

Os cupins costumam deixar uma “sujeirinha”, mas a pressa, às vezes, nos impede de parar e socorrer a mesa antes que ela desabe.

Afinal ela ainda está servindo para a sua finalidade...

Sabe, amiga, esse cupim se chama DEPRESSÃO.

A mesa sou eu.

A mesa é você.

É sua mãe que lhe importuna.

É seu avô que reclama demais.

É seu filho rebelde.

É seu namorado ciumento e estressado.

O marido ausente e pessimista.

Relendo a história da mesa, você poderá considerar sua própria vida, e a vida daqueles que a cercam.

Estamos caminhando para o mesmo fim?

Eu lhe digo.

Mesmo que sua mesa tenha caído, mesmo que ela tenha quebrado muitas coisas e pareça imprestável; mesmo que vá dar muito trabalho consertá-la,

CONSERTE-A!

Não descarte seus pais, seus filhos, seu cônjuge, seus amigos.

Não descarte a si mesma! É possível a restauração!

A pessoa deprimida é aquela que doou tudo de si, que esvaziou-se por completo para alcançar algo que ela considerava um bem...

A pessoa deprimida precisa de companhia.

Alguém que ajude a encontrar o melhor material para preencher os vazios que a depressão causou.

Que ajude a aparar as arestas.

Alguém que a queira nova outra vez.

Se, para todo bem, há uma participação Divina, Deus neste momento está providenciando o necessário para que você encontre forças e alternativas para ajudar.

Se você está em depressão, erga os olhos.

A ajuda vem do alto.

Mas também vem dos lados: de um abraço, uma conversa, uma carta, um e-mail.

Lembre-se de que, para Deus, tudo é possível.

É POSSÍVEL SER UMA MESA NOVA!

“A depressão é uma travessia.

Ela pode durar muito ou pouco.

Mas, em qualquer das hipóteses, fica mais fácil na companhia de Deus, da família,e dos amigos verdadeiros.

Confie!

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

Comece de novo


Se você confiou em Deus e andou pelo caminho dele,


Se você o sentiu a guiar você todos os dias, mas agora seus passos o levam por outro caminho,


Comece de novo.


Se você fez planos que não deram certo,


Se você tentou dar o melhor de si e não há mais o que tentar, se você falhou consigo mesmo sem saber porquê,


Comece de novo.


Se você contou aos seus amigos o que planejava fazer, se você confiou neles e eles não o apoiaram,


Se agora você está sozinho, só podendo contar consigo mesmo,


Comece de novo.


Se você falhou com seus familiares,


Se agora você já não é tão importante para eles,


Se eles perderam a confiança em você,


Se sente um estranho em seu próprio lar,


Comece de novo.


Se você orou a Deus, respeitando sempre a vontade dele,se você orou e orou e ainda se sente infeliz,


Se você quer parar, sentindo que atingiu seu limite,Comece de novo.


Se você está certo de que está acabado e quer desistir,se você chegou ao fundo do poço,


Se você tentou e não conseguiu subir,


Comece de novo.


Se os anos passam tão depressa e os sucessos são poucos, se chega dezembro e você se sente triste,


Deus dá um novo janeiro a você.


Comece de novo.


Começar de novo significa:


Vitórias alcançadas


Começar de novo significa:


Uma corrida bem feita


Começar de novo significa:


Deus sempre vencerá!


Não fique aí sentado no trono da derrota:


COMECE DE NOVO!!!

domingo, 17 de fevereiro de 2008

Para não adoecer



Se não quiser adoecer -


"Fale de seus sentimentos".


Emoções e sentimentos que são escondidos, reprimidos, acabam em doenças como gastrite, úlcera, dores lombares, dor na coluna.


Com o tempo, a repressão dos sentimentos, a magoa, a tristeza, a decepção degenera até em câncer.


Então vamos confidenciar, desabafar, partilhar nossa intimidade, nossos desejos, nossos pecados.


O diálogo, a fala, a palavra é um poderoso remédio e poderosa terapia.


Se não quiser adoecer -


"Tome decisão".


A pessoa indecisa permanece na dúvida, na ansiedade, na angústia.


A indecisão acumula problemas, preocupações, agressões.


A história humana é feita de decisões.


Para decidir é preciso saber renunciar, saber perder vantagens e valores para ganhar outros.


As pessoas indecisas são vítimas de doenças nervosas, gástricas e problemas de pele.


Se não quiser adoecer -


"Busque soluções".


Pessoas negativas não enxergam soluções e aumentam os problemas.


Preferem a lamentação, a murmuração, o pessimismo.


Melhor acender o fósforo que lamentar a escuridão.


Pequena é a abelha, mas produz o que de mais doce existe.


Somos o que pensamos.


O pensamento negativo gera energia negativa que se transforma em doença.


Se não quiser adoecer - " Não viva de aparências".


Quem esconde a realidade, finge, faz pose, quer sempre dar a impressão de estar bem, quer mostrar-se perfeito, bonzinho etc., está acumulando toneladas de peso ... uma estátua de bronze, mas com pés de barro.


Nada pior para a saúde que viver de aparências e fachadas.


São pessoas com muito verniz e pouca raiz. Seu destino é a farmácia, o hospital, a dor.


Se não quiser adoecer - "Aceite-se".


A rejeição de si próprio, a ausencia de auto-estima faz com que sejamos algozes de nós mesmos. Ser eu mesmo é o núcleo de uma vida saudável.


Os que não se aceitam são invejosos, ciumentos, imitadores, competitivos, destruidores. Aceitar-se, aceitar ser aceito, aceitar críticas, é sabedoria, bom senso e terapia.


Se não quiser adoecer - "Confie".


Quem não confia, não se comunica, não se abre, não se relaciona, não cria liames profundos, não sabe fazer amizades verdadeiras.


Sem confiança, não há relacionamento.


A desconfiança é falta de fé em si, nos outros e em Deus.


Se não quiser adoecer - "Não viva sempre triste".


O bom humor, a risada, o lazer, a alegria, recuperam a saúde e trazem a vida longa.


A pessoa alegre tem o dom de alegrar o ambiente em que vive.


"O bom humor nos salva das mãos do doutor".


Alegria é saúde e terapia.


( Drauzio Varela)

sábado, 16 de fevereiro de 2008

Colorindo o dia!!!


C ... O ... L ... O ... R ... I ... N ... D ...O


Linda mensagem enviada pela Solange, querida amiga do Orkut

Em cores vamos colorindo o nosso dia a dia!

Se olharmos a mata perceberemos o verde

Se olharmos o sol perceberemos o amarelo

Se olharmos o céu perceberemos o azul

Nas nuvens encontraremos o branco

No rosa das flores, inúmeras outras cores!

Nas aves do céu que se revestem de penas de belas cores, observamos a obra do Pai em delicadas matizes, onde buscam inspiração os pintores.

Saibamos amar em cores!

Saibamos distribuir nosso amor,colorindo nossas vidas misturando em cores o preto no branco, no azul, o amarelo

Formemos um elo colorido inspirado nas belezas das cores do arco íris

Tomemos cor!!!

Vida!!!

Vida!!!

Façam-na irmãos mais colorida!

Deixemos os tons suaves a nos envolver

Inspiremos nas cores que nos brindam a natureza

Sejamos multicoloridos colocando-nos em harmonia com toda a beleza no nosso dia a dia

Sejamos

Paz,

Alegria,

Amor,

Cor,

Magia!!!

Coloridos sejam todos os vossos dias!

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Aniversário de casamento


Neste exato dia, faz 30 anos que começamos a namorar e 27 anos de casamento e parece que foi ontem... que saudade e que alegria...
Saudade daquele tempo sem tantas responsabilidades, sem tantos compromissos, sem tantos sem tempos...
Saudade da nossa expectativa de vida, da nossa força por construir algo, saudade de nossos sonhos...
Hoje tenho a alegria de poder ter realizado quase tudo que foi sonhado, ter a satisfação de ver tudo que construímos, ter o prazer de poder olhar para você e dizer eu te amo...
Sim, faz algum tempo: ...que unimos nossas vidas, ...que nos queremos bem, ...que nos damos forças, ...que nos presenteamos um ao outro pelo que somos, ...que enfrentamos os obstáculos juntos, ...que construímos tudo que temos, ...que formamos nossa família, ...que somos companheiros, ...que somos unidos, .. que temos respeito um pelo outro, ...que nos amamos...

Neste nosso dia especial brindemos o nosso amor...a nossa amizade... a nossa cumplicidade, o nosso companheirismo, o nosso afeto e o nosso jeito de amar.
Isto aqui é só mais uma manisfestação de carinho, uma forma de enviar só mais um pouquinho do meu abraço gostoso e de te fazer lembrar daquele nosso primeiro beijo .

PARABENS PELO NOSSO ANIVERSÁRIO !!!

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

O que é o AMOR?


Na data de hoje é comemorado o dia do amor, Valentine Days.

Nesta singela mensagem a essência do Amor em nossos corações


Em uma sala de aula, haviam várias crianças; quando uma delas perguntou a professora: -


Professora, o que é o AMOR?


A professora sentiu que a criança merecia uma resposta a altura da pergunta inteligente que fizera.


Como já estava na hora do recreio, pediu para que cada aluno desse uma volta pelo pátio da escola e trouxesse o que mais despertasse nele o sentimento de amor.


As crianças sairam apressadas e, ao voltarem, a professora disse:


- Quero que cada um mostre o que trouxe consigo.


A primeira criança disse:


- Eu trouxe esta FLOR, nao é linda?


A segunda criança falou:


- Eu trouxe esta BORBOLETA - veja o colorido de suas asas, vou colocá-la em minha coleção.


A terceira criança completou:


- Eu trouxe este FILHOTE DE PASSARINHO - ele havia caido do ninho junto com outro irmão. Nao é uma gracinha?


E assim as crianças foram se colocando.


Terminada a exposição, a professora notou que havia uma criança que tinha ficado quieta o tempo todo.


Ela estava vermelha de vergonha, pois nada havia trazido.


A professora se dirigiu a ela e perguntou:


- Meu bem, por que você nada trouxe?


E a criança timidamente respondeu:


- Desculpe, professora.


Vi a FLOR, e senti o seu perfume, pensei em arrancá-la, mas preferi deixá-la para que seu PERFUME exalasse por mais tempo.


Vi também a BORBOLETA, leve, colorida... Ela parecia tão feliz, que não tive coragem de aprisioná-la.


Vi também o PASSARINHO, caido entre as folhas, mas, ao subir na árvore, notei o olhar triste de sua mãe, e preferi devolvê-lo ao ninho.


Portanto, professora, trago comigo:


o perfume da flor;


a sensação de liberdade da borboleta


e a gratidão que senti nos olhos da mãe do passarinho.


Como posso mostrar o que trouxe?
A professora agradeceu a criança e lhe deu nota máxima, pois ela fora a única que percebera, que só podemos trazer o AMOR em nosso coração.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Refletir e aprender



O dia mais belo ?

Hoje.

A coisa mais fácil ?

Errar.

O maior obstáculo ?

O medo.

O maior erro ?

O abandono.

A raiz de todos os males?

O egoísmo.

A distração mais bela?

O trabalho.

A pior derrota?

O desânimo.

Os melhores professores?

As crianças.

A primeira necessidade?

Comunicar-Se.

O que mais lhe faz feliz?

Ser útil aos demais.

O maior mistério?

A morte.

O pior defeito?

O mau humor.
A pessoa mais perigosa?

A mentirosa.

O sentimento mais ruim?

O rancor.

O presente mais belo?

O perdão.

O mais imprescindível?

O lar.
A rota mais rápida?

O caminho certo.

A sensação mais agradável?

A paz interior.

A proteção efetiva?

O sorriso.

O melhor remédio?

O otimismo.

A maior satisfação?

O dever cumprido.

A força mais potente do mundo?

A fé.
As pessoas mais necessárias?

Os pais.

A mais bela de todas as coisas ?

O amor.


POIS, A VIDA SEM AMOR, NÃO TEM SENTIDO.

A inteligência sem amor, te faz perverso.

A justiça sem amor, te faz implacável.

A diplomacia sem amor, te faz hipócrita.

O êxito sem amor, te faz arrogante.

A riqueza sem amor, te faz ávaro.

A docilidade sem amor te faz servil.

A pobreza sem amor, te faz orgulhoso.

A beleza sem amor, te faz ridículo.

A autoridade sem amor, te faz tirano.

O trabalho sem amor, te faz escravo.

A simplicidade sem amor, te deprecia.

A oração sem amor, te faz introvertido.

A lei sem amor, te escraviza.

A política sem amor, te deixa egoísta.

A fé sem amor te deixa fanático.

A cruz sem amor se converte em tortura.

A vida sem amor... não tem sentido...


(Madre Tereza de Calcutá)

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

Mensageiros da eternidade


Nós os sensíveis, temos a luz brilhando dentro de nós.


A nossa sabedoria muitas vezes pode ser confundida com a loucura por pessoas de mentira...por aquelas pessoas que vivem presas a um mundo automático.


Nós, os sentimentais, os alquimistas, os arrependidos pelos erros, os filhos amados que foram deixados pra trás num deserto...


Os que têm fé inabalável, os sonhadores, os loucos de amor muitas vezes já fomos considerados as ovelhas negras da família...mas os nossos sentimentos profundos como o amar... nos transformaram aos poucos em cordeiros mansos que pastam felizes pelos campos verdes...


Dentro de nós ardem paixões interiores capazes de derreter qualquer geleira.


Nós já morremos incontáveis vezes...já renascemos outras tantas mais fortes, mais determinados em encontrar a nossa felicidade.


Nós, os sensíveis somos invencíveis pelas lágrimas e...imbatíveis pelo sorriso...


Muitos de nós os sensíveis, carregamos na alma e até no corpos, marcas da nossa paixão pela vida. Do mais fraco ao mais forte, do mais bonito ao mais feio.


Não somos medidos pela nossa formosura ou pela grandeza do nosso corpo...mas somos admirados pelo poder do nosso coração, pela força que emanamos de dentro de nosso olhar...e as pessoas de mentira ficam sem entender como nós os sensíveis conseguimos ter tanto poder!


Nós os sensíveis estamos aqui para fazer a diferença.


Ninguém nos conhece pela superfície... ...mas pela profundidade de nossos bons pensamentos. Não somos santos.....mas somos anjos.


Não somos perfeitos......mas é na nossa imperfeição que mostramos nossas maiores virtudes.


Não é pela casca que queremos ser conhecidos.


Queremos um relacionamento íntimo com tudo e com todos que nos cercam.


Podemos errar... ...fracassar em quase tudo mas jamais fracassaremos como seres humanos.


Somos incompreendidos, porque muitas vezes não sabemos expressar quem somos de verdade.


Ainda que o nosso corpo envelheça e fique doente...


Nada pode tocar o coração de um sensível senão a mão do Supremo Criador.


Nós os sensíveis...mesmo de longe nos juntamos em espírito num coral para cantar uma canção que curará toda pessoa de mentira.


Por alguns instantes o mundo parará para ouvir o nosso canto e se apaziguará por alguns poucos momentos... E por alguns momentos elas também vão ser sensíveis como nós... ...quando perceberem que no rosto do outro está o espelho de sua própria face.


Nós os sensíveis temos o dom de sentir o que os outros sentem...de traduzir seus pensamentos...porque nosso coração capta o que os outros corações transmitem... ...mas nós somos uma brasa viva no meio da neve...


Ou um oásis no meio do deserto


Estamos aqui para mostrar aos outros que a alma existe...que a matéria passará.


Mas que temos vida para todo o sempre.


Somos dono da sabedoria universal.


Acreditamos num Deus comum a todos seres humanos.


Num Deus que habita todas as religiões.


Num abraço do sensível... ...está a graça do Universo.


Nós os sensíveis somos os mensageiros da eternidade...