terça-feira, 29 de janeiro de 2008

Como um golfinho

Ofereço a mensagem de hoje para minha querida amiga Arlete

Como um Golfinho, existem pessoas que são puras e sinceras.

Tais pessoas formam um laço de amizade amplo e eterno.

Como um Golfinho, existem pessoas que vivem felizes e não gostam de ver seus amigos tristes.

Por isso, tentam sempre alegrar seus corações.

Como um Golfinho, existem pessoas que arrumam um jeito para tudo, por mais difícil que seja o obstáculo à sua frente.

Como um Golfinho, nenhuma pessoa no mundo consegue viver só, por isso, fazem amigos e os acompanham em todos os momentos

Como um Golfinho, as pessoas precisam sorrir para que sua vida seja cada vez melhor.

Como um Golfinho, uma criança enxerga o mundo de forma honesta e feliz, onde tudo tem um tom de brincadeira e tudo é a mais pura verdade.
Como os Golfinhos, pessoas precisam de carinho e compreensão.

Se podemos entender os sentimentos de um Golfinho, por que não entendemos os sentimentos de uma pessoa?

Como os Golfinhos, precisamos dar e receber amor.

Como os Golfinhos, precisamos de liberdade para podermos viver.

Precisamos de liberdade para expressar nossos sentimentos

Mesmo sendo livres, sempre procuramos alguém a quem possamos nos prender.

Mesmo procurando, incansavelmente, amigos e amores, precisamos de um momento sozinhos.

Como os Golfinhos, apreciamos um luar, apreciamos uma noite bonita.

Não sinta-se só à noite, sempre existirá um amigo a quem você possa chamar, assim como fazem os Golfinhos.

Como os Golfinhos, existem pessoas prontas a oferecer-lhe uma amizade eterna.

Um comentário:

lete disse...

Que Deus lhe abençoe todos os dias de sua vida!
Amo vc de coração!!!!
Beijos!!!